Bolsonaro participa da cerimônia de posse de Braga Netto e Lorenzoni

O presidente Jair Bolsonaro empossou hoje (18), o general Walter Braga Netto no comando da Casa Civil e de Onyx Lorenzoni no ministério da Cidadania.

Exonerado da Cidadania, Osmar Terra foi o primeiro a discursar no evento, realizado em Brasília. “O presidente Bolsonaro é um atleta de pentatlo”, afirmou, em referência ao esporte que compõe cinco modalidades (hipismo, esgrima, natação, tiro esportivo e corrida).

Osmar Terra volta para a Câmara dos Deputados, onde irá assumir mandato de deputado para o qual foi eleito em 2018.

O ministério da Cidadania será comandado por Onyx Lorenzoni. Na cerimônia, o ministro usou palavras bíblicas para ressaltar que o “time Bolsonaro” está para servir o país. “Graças a Deus que o nosso presidente é um homem livre e independente para transformar o Brasil”, disse.

Lorenzoni pontuou também que o general Braga Neto, que irá comandar a pasta que ele chefiava, irá receber uma excelente equipe. “Eu, como soldado, já me apresento ao senhor pronto para receber o seu comando, as suas ordens”, afirmou.

Após as falas de Terra e Lorenzoni, o atual ministro-chefe da Casa Civil, o general Braga Netto, afirmou que sua postura será de “lealdade, respeito, comprometimento, assertividade e muito trabalho”.

“Foi um colega que acreditou na gente. Você esteve comigo nos momentos mais difíceis. Sempre um leal companheiro”, afirmou Bolsonaro em relação a Onyx. Segundo o presidente, Lorenzoni não precisa mudar de camisa de time, apenas a numeração. “Confiamos em você e acreditamos no seu potencial”, disse o general.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), também participou do evento.