Primeiro-ministro do Líbano renuncia após megaexplosão e manifestações em Beirute.

Hassan Diab, anunciou a renúncia de todo o gabinete de governo, seis dias após a megaexplosão que devastou Beirute e de um fim de semana de manifestações que reuniram multidões nas ruas da capital.

A insatisfação crescente da população libanesa ficou evidente com a tomada de prédios de ministérios no sábado e no domingo, associadas à convocação de um levante contra o governo. 

Em seu pronunciamento Hassan Diab, afirmou que “a corrupção que o país sofre é maior do que o Estado”. Ele criticou ainda a elite do país, a qual acusa de mentir para o povo.