Folha de SP cria o “despiora” para não admitir o avanço da economia do Brasil e Secom se manifesta

Após usar o termo “despiora” em uma matéria por não querer reconhecer as melhoras econômicas no Brasil, Secom debocha da publicação da Folha de São Paulo.

A Secom ironizou o “malabarismo linguístico” e aproveitou para divulgar os avanços econômicos do país.

O termo foi destacado diretamente no título do artigo Economia dá mais sinais de despiora.

Confira a publicação da Folha de São Paulo:

Confira a reposta da Secom