Sextou. Lula terá pedido de soltura impetrado amanhã, segundo seu advogado

A defesa do ex-presidente Lula disse que vai levar à Justiça Federal nesta sexta (8) um pedido para que ele deixe a cadeia devido à decisão do STF que voltou atrás e barrou a prisão de condenados em segunda instância.

O pedido de soltura será encaminhado após reunião com o ex-presidente na sede da Superintendência da PF, onde ele está preso desde abril de 2018. 

Lula depende de um aval da juíza federal Carolina Lebbos para deixar a prisão e aguardar em liberdade o julgamento de recursos no caso do tríplex de Guarujá (SP).

A liberdade de Lula não é automática, os advogados precisam peticionar no próprio procedimento de administração da pena, na 12ª Vara Federal em Curitiba, para que ele deixe a prisão depois de 19 meses.

Como há uma ordem do STF sobre o assunto, não há alternativas para que um magistrado de grau inferior descumpra a medida.  

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação