PF prende ex-deputado com R$ 2 milhões de origem suspeita.

Um ex-deputado federal e estadual do Ceará foi preso em flagrante, na hoje (19), com R$ 2 milhões em espécie que estavam guardados em caixas de aparelhos de televisão, dentro de uma empresa alvo da segunda fase da Operação Km Livre.


Na primeira fase da Operação Km Livre, deflagrada no ano de 2016, a polícia apreendeu mais de R$ 5,9 milhões em espécie no mesmo local, uma empresa ligada ao ex-deputado Adail Carneiro. Os investigadores, entretanto, não confirmaram ter sido ele o ex-deputado preso hoje.

Segundo a Polícia Federal, o esquema acontece há mais de 20 anos e já movimentou cerca de R$ 600 milhões em um esquema fraudulento em licitações públicas promovidas pela Prefeitura Municipal de Fortaleza.