“Matamos um monstro” diz Donald Trump sobre Soleimani

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, voltou a defender a neutralização do general iraniano Qassem Soleimani nos arredores de aeroporto em Bagdá, capital do Iraque. 

O presidente americano declarou:

“Pegamos um monstro e o matamos, o que deveria ter acontecido há muito tempo. Foi o fim de um monstro.”

E acrescentou:

“Fizemos isso porque eles queriam explodir nossa embaixada. Também o fizemos por outros motivos bastante óbvios. Alguém morreu, um dos nossos militares morreu. As pessoas ficaram gravemente feridas apenas uma semana antes.”