Instalação de bandeira do Brasil em condomínio do DF gera briga entre moradores

A instalação de um mastro com a bandeira do Brasil gerou polêmica entre moradores de um condomínio no Distrito Federal. A bandeira foi colocada na entrada do residencial Vivendas Bela Vista, no dia 2 de junho, por decisão de um grupo de 30 moradores.

Parte dos moradores considerou uma iniciativa de apoio ao presidente da República Jair Bolsonaro, e fez um abaixo-assinado pedindo que a bandeira fosse retirada.

No entanto, a instalação foi autorizada pelo governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Administração Regional de Sobradinho-II, a quem compete disciplinar a ocupação de área pública de uso comum

A ideia de hastear a bandeira de 1,80 metros por 2,56 metros em um mastro de 12 metros foi do general reformado, Haroldo Assad Carneiro, que mora no condomínio.

Em protesto, moradores contrários a permanência da bandeira instalaram faixas no condomínio.

Na semana passada, o condomínio chamou uma assembleia geral extraordinária para decidir sobre a retirada do mastro. Segundo o morador, nunca houve uma reunião do condomínio tão cheia.

Ao final, 96 participantes votaram a favor da permanência da bandeira do Brasil e 85 votaram contra.