“É preciso investir na qualidade do ensino a distância”, diz especialista.

O isolamento social para combater o novo coroanvírus fez com que as escolas de todo o país tivessem de adotar do dia para a noite o ensino remoto.

Para o próximo semestre, especialistas apontam a necessidade das instituições de melhorar a qualidade do ensino online oferecido aos alunos, uma vez que as aulas remotas devem continuar mesmo com retorno presencial.

Após a adoção das atividades online, escolas devem focar em aulas mais dinâmicas e interativas para melhor o processo de aprendizagem.

A expectativa dos especialistas é que o ensino híbrido, aulas online e presenciais, seja uma tendência nos próximos meses.