Dono da Gol confirma que pagou propina a Rodrigo Maia

Henrique Constantino, um dos sócios da Gol, confirmou que pagou propina ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, por meio da Associação Brasileira de Empresas Aéreas (Abear). 

A declaração de Constantino foi incluída ao anexo 7 do acordo de colaboração premiada. Além de Rodrigo Maia, foram citados outros nomes, que também foram beneficiados. Entre eles estão Romero Jucá, Vicente Cândido, Ciro Nogueira, Marco Maia, Edinho Araújo, Otávio Leite e Bruno Araújo.

Também já foram delatados Michel Temer, Eduardo Cunha e Geddel Vieira Lima. Henrique assinou acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal.

De acordo com Constantino, o benefício financeiro teve relação com a aprovação da abertura do capital de empresas aéreas a estrangeiros.

Os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), embarcaram no fim de semana rumo a Nova York (EUA), onde cumprem, a partir desta segunda-feira (13), uma série de encontros com empresários e investidores.

A agenda inclui compromissos até quarta-feira (15), quando está previsto o retorno de ambos ao Brasil.

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação