‘Atribuir à Petrobras alta no preço dos combustíveis não é correto’, diz Silva e Luna

Nesta terça (23), o presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, afirmou que “não é correto” atribuir à estatal a culpa pelos sucessivos aumentos dos preços de combustíveis.

O general ressaltou que não há monopólio no fornecimento de combustível e que a empresa apenas pratica preços de mercado.

“Não há monopólio. A Petrobras não é a única supridora de combustíveis do mercado e atribuir à Petrobras preço de combustível não é correto. A empresa tem que praticar preços de mercado”, enfatizou o militar.

Silva e Luna foi convidado pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal para esclarecer as altas nos valores cobrados pelo diesel e gasolina.